Dicas de (temas para) Projetos de Final de Curso

tccNesses 18 anos de sala de aula, observei que muita coisa mudou quando o assunto é projeto de final de curso (TCCs, Relatórios ou Projetos de Especialização). É fato que as fontes de informação estão cada vez mais acessíveis e em maior quantidade…

Sem entrar no mérito (ou demérito) da prática criminosa e preocupante do CTRL+C / CTRL+V – caracterizando explicitamente plágio e, consequentemente, crime (devemos falar um pouco mais sobre isso em um outro post aqui mesmo no blog), vou levar em consideração apenas a situação (que espero que seja a da maioria) em que o aluno tem, de fato, a intenção de ler o material disponível, analisar criticamente e escrever sobre a sua interpretação do que pesquisou (eventualmente acrescentando um estudo de caso, quando o trabalho é do tipo “hands-on”), constatei um fato interessante… em muitos casos o aumento na quantidade de informação e fontes de pesquisa terminaram por confundir ainda mais uma boa parte dos alunos na hora de escolher o tema do seu trabalho e definir as fontes que vai utilizar…

Isso só reforça a importância de um ORIENTADOR que de fato “oriente” 🙂 auxiliando nessas escolhas e até sugerindo fontes mais confiáveis e com um maior nível de profundidade (e até de seriedade) para minimizar o processo de seleção e otimizar a escrita – que, para muitos termina sendo o “calo”… principalmente aqueles que não têm a prática da leitura, reflexão crítica e escrita. Na verdade, em alguns casos observo perfis de alunos que simplesmente não querem pensar… e isso é preocupante… mas vamos voltar mais uma vez ao nosso foco 🙂

Vamos tentar SIMPLIFICAR o processo deixando claras as 8 principais fases (de acordo com a minha percepção):

  1. Escolha do Orientador;
  2. Escolha/definição do tema do trabalho;
  3. Plano de ação (estratégia, definição de metodologias e cronograma);
  4. Seleção das fontes de pesquisa;
  5. Realização do trabalho de fato (sintetização, reflexão, práticas…);
  6. Escrita do trabalho;
  7. Apresentação;
  8. Pegar o canudo 🙂

Pois bem… o que vamos, de fato, abordar neste post é a fase 2: “ESCOLHA/DEFINIÇÃO DO TEMA DO TRABALHO” considerando que mesmo tendo realizado a fase 1 (escolhido o seu orientador) você (ou vocês) continuam indecisos sobre o que vão abordar…

Isso porque em alguns casos, o número de orientandos, ou até a metodologia de orientação de cada orientador pode fazer com que a tarefa da escolha do tema fique a cargo do aluno (que, só então, deverá apresentar ao orientador para aprovação e só então passar para o passo 3).

E aí acontece aquele momento em que o aluno tem tudo (grande quantidade de informação) e ao mesmo tempo nada (não sabe por onde começar e, pior, não pode contar com o orientador nessa fase)…

Acredito que é exatamente nesses momentos que o aluno tem a ideia de procurar outros professores para pedir ajuda… E isso, acreditem, tem feito com que a minha caixa de e-mails tenha PELO MENOS 3 e-mails desesperados POR SEMANA de “pobres e desesperados” alunos de todo o Brasil na mesma situação… E o texto praticamente não muda:

Caro Prof. Ricardo Kléber,

Não o conheço pessoalmente, mas como gosto muito da área de segurança pretendo fazer o meu TCC/Relatório/Trabalho… nessa área e, pela sua experiência, gostaria que me SUGERISSE UM TEMA INTERESSANTE :)”

OK!!! Criamos uma fase 2.1 = Pedir ajuda aos “universitários” (professores da área) já que o nosso orientador “nos deixou na mão na fase 2” 🙂

Sem crise !!! Estamos aqui para isso mesmo 🙂

Afinal, como já escutei diversas vezes… eu “não trabalho… só dou aula” 😛

Brincadeiras à parte, é um prazer poder ajudar (na verdade é uma honra receber essa confiança em um momento tão importante da fase final de um curso) e para provar que não estou brincando (nem exagerando) resolvi escrever esse post para ajudar aqueles que me conhecem (ou ainda vão me conhecer nas palestras e/ou aulas da vida) e que em determinado momento vão cair exatamente nessa situação… Precisar desesperadamente definir um tema para o seu trabalho 🙂

Se você chegou até aqui, obrigado pela paciência… eu precisava fundamentar a minha motivação para ajudá-lo. Se você já leu esse post mas voltou para dar uma conferida novamente nas sugestões, provavelmente você só vai ler a partir da próxima linha. Sem problemas… se ajudar na sua escolha já valeu o post 🙂

A lista a seguir sugere TEMAS e não (necessariamente) TÍTULOS para os trabalhos. Sejam criativos 🙂

Dicas (de temas relevantes) para Projetos Finais de Cursos na área de Segurança de Redes:

* Segurança da Informação (aspectos teóricos e novas tecnologias)

  • Comparação entre os principais algoritmos de hash;
  • Comparação entre as principais soluções de VPN;
  • Análise de desempenho de firewalls com filtragens nas camadas superiores;
  • Análise de desempenho de soluções de anti-virus Open Source (falso-positivos e falso-negativos = verificação de eficácia na identificação de bases de vírus atualizadas);
  • Análise de desempenho de IPS Open Source (Hogwash e derivados);
  • Estudo de Caso: Integração de Firewall com IDS (Snort + Iptables ou módulos ativos do Snort);
  • Hacktivismo (Anonymous, Wikileaks, …);
  • CyberGuerra (StuxNet, Duqu, Flame, …);

* Forense Computacional

  • Análise de ferramentas Open Source para Forense em Memória;
  • Análise de ferramentas Open Source para Forense em Redes;
  • Análise de ferramentas Open Source para Forense em Mídias (discos rígidos, pendrives…);
  • Análise de ferramentas Open Source para Forense em Dispositivos Móveis;
  • Análise de segurança de mecanismos de acesso a redes sem fio (filtros de mac, WEP, WPA, WPA2, 8021.X, …);
  • Estudo de caso: Investigação forense em máquinas de acesso público (a partir da análise de máquinas com autorização e com cuidado na divulgação de eventuais informações que identifiquem pessoas);
  • Estudo de caso: Investigação forense em tráfegos abertos em redes públicas (a partir de tráfegos capturados com autorização e com cuidado na divulgação de eventuais informações que identifiquem pessoas);
  • Análise de Malware (a partir de códigos de vírus/worms);
  • Análise de Malware (a partir de imagens de máquinas comprometidas);

* Ethical Hacking

  • Estudo de caso: Análise de “força” de senhas através do uso de técnicas de força bruta (a partir de hashes de máquinas de laboratório, ou servidores de autenticação, ou qualquer base disponível de hashes de senhas adquiridas de forma legal e autorizada);
  • Estudo de caso: Análise de eficácia do uso de técnicas de Engenharia Social (a partir da abordagem de pessoas responsáveis por informações relevantes com autorização e com cuidado na divulgação de eventuais informações que identifiquem pessoas);
  • Estudo de caso: Testes de Intrusão (pentests) e/ou Análise vulnerabilidades em redes corporativas (a partir de sondagens feitas a instituições com autorização e com cuidado na divulgação de eventuais informações que identifiquem pessoas ou dados críticos das instituições analisadas).

Por enquanto é isso 🙂 Ajudou? Dependendo do retorno quem sabe não publicamos uma nova lista com novas sugestões em breve?

Abraço,

assinatura_peq

 

 

[Livro] Introdução a Análise Forense em Redes

banner_novatec

E o Blog #SegurançadeRedes traz mais uma promoção !!!

20% de desconto na compra do livro “Introdução à Análise Forense em Redes de Computadores” do prof. Ricardo Kléber.

Basta acessar o site da Novatec e informar o CÓDIGO PROMOCIONAL “KLEBER” (no campo específico de desconto na página de compra do site).

Parceria da Novatec com o Blog Segurança de Redes !!!

assinatura_peq

Simulado para a Certificação CEH (Ethical Hacker)

Apostila - 250 Questões CEHTem vontade de fazer a certificação EC-Council Ethical Hacker (CEH)? Fez o curso mas gostaria de praticar um pouco antes de usar o voucher? Seus problemas se acabaram 🙂 …

Uma queixa constante de meus alunos de turmas preparatórias para o CEH era a falta de simulados antes de utilizar o voucher. Alguns alunos ainda importaram livros com questões baseadas no programa da EC-Council e/ou ficaram “minerando” na Internet em busca de simulados com gabaritos.

Pensando nisso, resolvi inaugurar a sessão da “Loja Virtual” do Blog com um E-book específico para resolver essa questão… São 250 (duzentas e cinquenta) questões com gabarito abrangendo praticamente todo o programa de preparação para a Certificação CEH (Exam 312-50).

Que tal testar gratuitamente a “versão de demonstração”?

Clique aqui e baixe a versão reduzida (gratuita) da apostila, com 10 (dez) questões no mesmo modelo da Apostila para avaliar.

E aí? Gostou? Se sim, acesse a Loja Virtual e compre o E-book com 250 questões pelo preço promocional de lançamento de R$ 14,99 !!!

O pagamento pode ser feito via PagSeguro, Paypal ou boleto bancário utilizando o sistema Hotmart

Qualquer dúvida poste seu comentário aqui ou envie e-mail para contato@segurancaderedes.org.

assinatura_peq